Linha de Tendência Ações Opções Análise Técnica Investimentos Bovespa: análise técnica, como investir na bolsa de valores (Bovespa)

Linha de Tendência

Linha de Tendência

O que é e como analisar ações com linha de tendencia.

No artigo anterior (Suporte e Resistência) foram examinadas as noções de resistência e suporte. Tão importante como estes dois conceitos é o conceito de tendência. A tendência define o percurso evolutivo quer de alta quer de baixa que as cotações de um título estão a tomar ao longo de um período de tempo. Examinado a figura I, pode-se observar a linha de tendência ascendente do título BRISA PRIV. Na prática uma tendência ascendente pode ser definida por mínimos locais sucessivos no gráfico. Isto significa que apesar de a cotação do título poder subir e descer ao longo do tempo, numa observação mais detalhada o que se verifica é que os compradores tomaram conta do mercado provocando que a cotação do título vá subindo ao longo do tempo.

Clique na imagem para Ampliar
Linha de Tendência, o que é

No caso de uma linha de tendência descendente, estamos na presença de uma variação bearish em que o mercado acredita que o título tem uma cotação superior ao valor de mercado. Isto significa que a cotação do título vai tendo mínimos locais sucessivos, pois os vendedores exercem a sua pressão na cotação do título.

Como é que se traça esta linha? Há várias formas de o fazer dependendo antes de tudo do período temporal que se está a analisar. Observe o gráfico II. Nele podemos observar que o traçado da linha de tendência de curto-prazo é uma linha ascendente a azul. Se tomarmos um período de tempo mais dilatado, já se pode traçar uma linha de tendência completamente diferente que corresponde a uma linha de tendência de longo-prazo descendente. O traçado da linha tem assim que levar em conta o tipo de análise pretendida em termos de período temporal.

Clique na imagem para Ampliar
Linha de tendencia, analise tecnica, açoes

Em termos do traçado propriamente dito, o objetivo é unir o máximo número de pontos correspondentes a máximos locais (linha de tendência descendente) ou o máximo número de pontos correspondentes a mínimos locais (linha de tendência ascendente). Quantos mais pontos do gráfico da evolução da cotação fizerem parte da linha, mais credível será a linha de tendência. Na prática significa quem uma linha que cruza três pontos de máximo (mínimo) do gráfico é mais credível que uma linha que cruza apenas dois pontos de máximo (mínimo).
Na prática significa quem uma linha que cruza três pontos de máximo (mínimo) do gráfico é mais credível que uma linha que cruza apenas dois pontos de máximo (mínimo).

Um outro aspecto importante na análise gráfica das linhas de tendência prende-se com a penetração de uma linha de tendência (gráfico III). Para averiguar se a penetração de uma linha de tendência descendente significa que a cotação vai passar a evoluir segundo uma tendência ascendente é importante avaliar o volume transacionado. Por exemplo, se uma linha de tendência descendente for penetrada com um volume elevado, é provável que a cotação do título passe a subir. Se o volume for fraco, podemos estar na presença de um falso sinal provocado pelos compradores do título. No caso do gráfico III o que se verificou foi o rompimento da linha de tendência ascendente acompanhado por um forte aumento do volume transacionado. No seguimento desse rompimento verificou-se que a inversão da tendência era um sinal real e não um falso sinal.

Linha de tendencia, analise tecnica

Seu nome:
Seu E-mail:
Nome do seu amigo:
E-mail do seu amigo:
Sua mensagem (opcional):
Nome: Seu Email: (não será Publicado)
Site: (opcional)
Nofiticar por e-mail novos comentários neste tópico.

 
Publicidade

Existe uma discussão acirrada entre aqueles que acreditam que a bolsa de valores é um cassino, e os que acham que não. A verdade é que tanto a bolsa como o cassino são bem parecidos por dois motivos; ambos trabalham com probabilidade, e os dois provocam transferência de renda entre os parceiros de negócio. Entretanto...

Muitas pessoas investem em renda variável utilizando-se desse tipo de operação. Entretanto nem todos sabem exatamente a melhor forma de se calcular as taxas reais apresentadas na montagem. Alguns calculam errado e nem sabem... Veja a maneira correta e a melhor forma de escolher a opção para lançamento coberto.

O mercado é tão complexo quanto o gênero humano mas operar nele é tão simples quanto comprar barato e vender caro. Assim mesmo, erramos. Veja como evitar isso...

Aproveito a oportunidade para lançar uma breve discussão sobre os swaps, uma modalidade de aplicação financeira pouco utilizada no Brasil mas que nos afeta diretamente.  Swap significa troca, nesse caso, de  dois ativos com retornos e riscos diferentes. Atualmente esta havendo uma grande reversão dos swaps de moedas que, de forma célere, revela-se bastante nefasta para muitas economias...

Para apreciação de alguns e, talvez, irritação de outros, os gráficos e plataformas de operação são instrumentos valiosos para se acompanhar os mercados financeiros. Não consigo me afastar desses instrumentos...