Investindo em Índice Bovespa através de minicontratos de índice Bovespa: análise técnica, como investir na bolsa de valores (Bovespa)

Investindo em Índice Bovespa através de minicontratos de índice

Ricardo Loureiro

Investindo em Índice Bovespa através de minicontratos de índice

Através da negociação de minicontratos de Índice Bovespa, você pode adotar posições que ganhem na alta ou na queda do IBOV. Imagine que queira aplicar o equivalente a R$ 10.000,00 e que esse capital oscile percentualmente exatamente igual ao IBOV. Existe como investir nessa pontuação do IBOV? Sim, e esse investimento pode ser feito usando o mini-índice.

Cada minicontrato corresponde a uma oscilação de R$ 0,20 por ponto do IBOV. Assim, imaginando que hoje o IBOV esteja em 50.000 pontos, se compro 1 minicontrato e o IBOV sobe 10%, variando de 50.000 para 55.000, o ganho é de 5.000 pontos ou R$ 0,20 x 5.000, ou seja, de R$ 1.000,00. Isso equivale a dizer que cada mini-índice oscila 20% do IBOV. Sendo assim, para ter uma carteira valendo R$ 50.000,00 em IBOV, nesse mesmo momento do mercado, é necessário comprar 5 minicontratos, pois cada um vale 20% de R$ 50.000,00, ou seja, R$ 10.000,00. Entretanto, para comprar 5 minicontratos, não são necessários R$ 50.000,00, pois, para cada contrato, a margem exigida para posicionamento é de menos de R$ 2.000,00. Sendo assim, nesse raciocínio, com menos de R$ 10.000,00, consegue-se comprar R$ 50.000,00 usando-se esse derivativo, configurando-se uma alavancagem.

Para calcular quantos contratos precisa comprar para se posicionar em uma carteira equivalente a determinado valor financeiro, então, basta seguir a fórmula abaixo:

N = Valor financeiro / (IBOV x 0,20)

Por exemplo, supondo que queremos comprar R$ 22.000,00 em IBOV, estando a sua pontuação em 36.000:

N = 22.000 / (36.000 x 0,20) = 3 minicontratos

Para comprar esses minicontratos, entretanto, são necessários menos de R$ 6.000,00 depositados na sua conta na corretora.

Imagine agora que deseja ganhar com a queda do IBOV. Nesse caso, você pode vender, ao invés de comprar mini-índice. Iniciando a operação pela venda, a única diferença é que você passa a ganhar se a bolsa cair, e a perder se subir. Sendo assim, caso você venda 4 minicontratos com IBOV a 60.000 pontos, na verdade você está “vendido” em 10 x 60.000 x R$ 0,20 ou R$ 120.000,00. Nesse caso, se o IBOV cai 10%, sua posição de R$ 120.000,00 pode ser desfeita recomprando-se por R$ 108.000,00, sendo que o saldo da operação foi de +R$ 12.000,00. Devido a essa possibilidade de ganho na queda com a venda de mini-índice, muitos investidores usam o contrato de derivativo para proteção (hedge) em momentos que julguem propícia uma posição mais defensiva no mercado.

Ricardo Loureiro

Seu nome:
Seu E-mail:
Nome do seu amigo:
E-mail do seu amigo:
Sua mensagem (opcional):
Nome: Seu Email: (não será Publicado)
Site: (opcional)
Nofiticar por e-mail novos comentários neste tópico.

Rogério Pereira Damião comentou:

Boa tarde, nunca fiz nenhum tipo de investimento, e tenho disponivel hoje R$ 10.000,00 para investir, queria informações quanto á segurança desse investimento, se posso a qualquer momenmto retirá-lo para uma emergência e quanto ele renderá em 30 dias.


Grato


Rogério Damião


Jonathan Mendes comentou:

Rogério, isso depende muito de você. É possível até que você dobre esse valor em 30 dias, para isso você precisa ter conhecimento no estudo da bolsa para prever sua queda ou alta, precisa acompanhar bastante enquanto você está investindo e claro, sorte! Caso contrário, você pode perder tudo em menos de 30 dias.

Você precisa saber o que você quer, pois de repente é melhor você investir em um fundo de investimento e ter mais certeza que terá seu retorno, porém em maior tempo.

Espero ter ajudado, um abraço.


Ewerton Pereira comentou:

Bom dia. Qual o valor mínimo para se investir em minicontratos?


Danilo comentou:

Menos de R$2.000,00. O ideal é ter um pouco mais do que a margem minima, pois se vc perder no primeiro dia, mesmo com o ajuste de margem vc pode continuar.


Rodrigo Silveira comentou:

Boa tarde, qual o máximo que se pode investir em minicontratos ? Existe um limite? a partir de quantos mini contratos tem que começar a investir em contratos cheios? A parte de contratos cheios é igual a mini indice, ou seja ganha da venda tambem ?

grato

Rodrigo S


Danilo comentou:

Olá Rodrigo Silveira,
No mini contrato vc pode investir a partir de um contrato e vc pode negociar qtos contratos quiser, os contratos cheios são mais utilizados por investidores institucionais


adalberto fernandes comentou:

Caso a pessoa que aplicou no mini Bovespa apostando na queda do índice e ele sobe quanto é o prejuízo da pessoa? Se a pessoa aplica 2000,00 apostando na queda do índice e ele sobe, quanto a pessoa perde?


danilo comentou:

Depende de quanto é a alta adalberto. mas como é alavancado uma alta de uns 10% ja seria suficiente para perder todo o capital, mas tb depende de qtos dias pq os ajustes de garantia são diários...


Nilton comentou:

Olá, investi R$ 250 na xp investimentos, mas não consigo operar o mini índice, sendo que a garantia hj estava de R$139, o que pode estar acontecendo? Vem uma mensagem dizendo que não tenho conta junto á bmf, e cliente sem custódia. Por gentileza me respondam.


Danilo comentou:

Olá Nilton. Nós não podemos responder pela xp, sugiro q entre em contato com sua corretora. Talvez não tenham ativado sua conta bmf ou não vc não solicitou o enviou do valor para garantia na bmf.


wladmir leite comentou:

Bom Dia,
Possuo dois minicontratos indice, na situação vendido, para desfazer basta comprar dois contratos ?
Nesta situação a risco de perda financeira?


Danilo comentou:

Olá wladmir leite,
Sim, para zerar a posição basta fazer a operação inversa. A partir desse momento não há mais risco a posição fica encerrada


live comentou:

Muito legal seu site !


 
Publicidade

Sabemos que o problema da maioria das economias é o nível de endividamento. Enquanto esse problema não for equacionado, as economias não crescerão num ritmo suficiente para criar novos empregos. Até agora a China era considerada uma ilha de exceção. Entretanto, algumas notícias revelam um quadro um pouco preocupante. Os jornais noticiam uma crise de crédito...

Considero o alinhamento automático a forma mais segura para entender o movimento dos preços das ações. No último artigo desta série prometi que usaria alguns gráficos para ilustrar essa metodologia. Alinhando os movimentos com os gráficos, podemos eliminar as contradições que muitas vezes ocorrem entre os movimentos de preços de períodos diferentes e enganam o operador.

Somos fascinado pelo o sucesso. A força psicológica da vitória é tão grande que exageramos os ganhos e escondemos as perdas nas bolsa de valores e em outros afazeres. Embora a realidade numérica seja outra, pois em todos campos de atividades existem mais perdedores do que ganhadores; mesmo assim, não gostamos de lembrar das perdas...

Segundo o velho ditado americano, existem vinte maneiras para se esfolar um gato. Na bolsa de valores, existem muitas maneiras para se acertar a direção dos preços, algumas são mais lógica do que outras e todas ajudam a ganhar dinheiro na compra e venda de ações. E para complementar com outro adágio, já que está na moda...

Para apreciação de alguns e, talvez, irritação de outros, os gráficos e plataformas de operação são instrumentos valiosos para se acompanhar os mercados financeiros. Não consigo me afastar desses instrumentos...