Estratégia lançamento (venda) coberto de opções Análise Técnica Investimentos: análise técnica, como investir na bolsa de valores (Bovespa)

Estratégia lançamento (venda) coberto de opções

Estratégia lançamento (venda) coberto de opções (ou Financiamento)

O chamado lançamento coberto de opções tem risco e retorno limitados. Essa operação é muito interessante para quem possui ações para longo prazo e quer aumentar o rendimento de sua carteira.

Exemplo: 1000 PETR4 -1000 PETRA34

A venda coberta deve ser utilizada em mercados que se movem muito lentamente (o que parece ser uma tendência mundial), pois as opções vendidas perdem valor rápido podendo ser recompradas com lucro. No entanto sempre se deve levar em consideração a possibilidade de ser exercido, caso não queira ser exercido de forma alguma, mesmo com algum lucro, não faça essa operação.

Existem defesas para não ser exercido, como rolar a posição para cima (strike superior) ou para a série seguinte, mas é impossível assegurar que não será exercido pois este pode ser exigido em qualquer dia pelo comprador.

Pode ser utilizada também como operação de taxa, visando um percentual de lucro interessante em curto período de tempo e não procurando manter o ativo.

Para taxa as OTM são as melhores a serem lançadas, no entanto protegem muito pouco da queda do ativo. As ATM são as melhores para um mercado de lado, e defendem de forma razoável a queda. As ITM são as que melhor defendem uma queda do ativo, por outro lado limitam mais os lucros caso o
ativo suba.

estratégia com opções

Ponto de equilíbrio = preço do ativo – preço da opção
Ponto de equilíbrio = PETR4 – PETRD76
Ponto de equilíbrio = R$ 77,77 – R$ 3,96 = R$ 73,81 (deixaremos de considerar os custos de corretagem* nesta e nas demais posições abaixo).

A posição em ações está defendida até uma cotação de PETR4 acima de R$ 73,81, ponto de equilíbrio para esta venda coberta.

*Um controle detalhado de todos os custos envolvidos (corretagem, serviços, ganhos, perdas, imposto de renda, outros...) é fundamental para o sucesso em operações com Renda Variável.

Seu nome:
Seu E-mail:
Nome do seu amigo:
E-mail do seu amigo:
Sua mensagem (opcional):
Nome: Seu Email: (não será Publicado)
Site: (opcional)
Nofiticar por e-mail novos comentários neste tópico.

 
Publicidade

Todos os dia alguém me pergunta se as ações vão subir ou vão cair? Tenho duas respostas para esse tipo de pergunta: uma é irônica, a outra é muito séria. Esta deveria ser a única mas, ai não teria graça! Ninguém quer errar, mesmo quando se antecipa os fatos. Eu também não quero e antecipo os acontecimentos com uma profecia infalível...

Jesse Livermore talvez seja o especulador mais conhecido do mercado americano. Muitos especuladores já incorporaram as lições dele porque elas são lógicas e fazem sentido. Com muita paciência ele só entrava na hora certa como uma serpente que sabe dar o bote, mas não sai correndo atrás da presa.

Com o novo cenário econômico do Brasil, cada vez mais os juros estão mais baixos, e consequentemente os investimentos de renda fixa também. Com isso as perguntas que todo investidor se faz são: Ainda vale a pena investir em renda fixa? Onde obter melhor ganho? É hora de investir em ações na bolsa? ...veja como ficam seus investimentos no cenário atual.

A Bovespa divulga em seu site a volatilidade histórica dos ativos. Entretanto, para facilitar, criamos esta tabela onde é apresentada a volatilidade histórica dos principais ativos, de forma a permitir as comparações entre respectivos períodos e ativos.

Em qualquer atividade econômica, e especialmente nos mercados financeiros, opera-se procurando diminuir os riscos dos negócios. Operar com ações que se parecem boas, mas não acompanham o mercado, é lidar com lobos solitários. Estes podem ser perigosos, mas não