Estratégia: Alinhamento Automático Ações Opções Análise Técnica Investimentos: análise técnica, como investir na bolsa de valores (Bovespa)

Estratégia: Alinhamento Automático

Professor Metafix

Estratégia: O Alinhamento Automático

Quem nunca se enganou lendo gráficos de ações ou de outros ativos financeiros, levante as mãos! Enganamo-nos pelo desejo de encurtar caminho. Esse comportamento faz parte da luta inexorável para melhorar a vida o mais rápido possível, mas cometemos erros. A tentativa dos grafistas para inventar padrões gráficos em busca de significados diferentes faz parte dessa jogada. A ânsia exacerbada conduz a equívocos e perdas de tempo querendo “inventar a roda.” Nesse mister, o mercado é cruel; não oferece caminho curto para o sucesso sem aumentar os riscos e diminuir os ganhos de cada jogada.

Aproveito a oportunidade para apresentar uma estratégia que chamo de “alinhamento automático”. Trata-se de uma combinação de tendência maior com movimentos menores. Trata-se de um método simples que diminui bastante "Trata-se de um método simples que diminui bastante os riscos e mantem os ganhos acumulados" os riscos e mantem os ganhos acumulados. Apesar do meu ceticismo enrustido, acredito na trilha dos grandes mestres por causa da lógica da proposição de que a tendência é nossa amiga. Para controlar os riscos e a aumentar a consistência dos lucros, tento obedecer a direção geral do mercado e trabalhar com os movimentos menores a favor de movimentos maiores. Entretanto, vou mostrar para os novatos quando podemos violar a regra e preservar o método utilizando os movimentos intermediários como se fossem tendências maiores.

O alinhamento automático não é uma novidade ou uma caixa preta. Usa-lo, é uma questão de bom senso para quem deseja ganhar dinheiro sem gastar uma fortuna de tempo lendo gráficos e procurando padrões ilusórios. Entretanto, não fique surpreso quando encontrar um movimento num gráfico sendo explicado de forma diferente com a pretensão de ser novidade. O maior trunfo dessas explicações é convencer os ingênuos de que os gráficos espelham as condições imutáveis do comportamento humano. Infelizmente, desconheço qualquer comprovação científica para esse argumento. Apesar disso, muitos novatos, na ânsia de encontrar o “caminho mais curto”, aceitam esses argumentos e cometem um erro fatal, o de não obedecer a tendência do mercado.

Os movimentos exemplificados por horas ou minutos são importantes dentro do gráfico diário ou semanal, mas isoladamente são pontos por onde podem passar infinitas tendências. A operação de menor risco é aquela que respeita o alinhamento automático dos gráficos de tempos menores com os de tempos maiores. Por isso, no método de alinhamento automático, "procuro primeiro entender a direção do mercado e depois trabalhar com aquele movimento que acompanha a direção geral dos preços" procuro primeiro entender a direção do mercado e depois trabalhar com aquele movimento que acompanha a direção geral dos preços sem perder de vista que, mesmo assim, estou trabalhando com movimentos aleatórios.

Por outro lado, às vezes, existem movimentos contra a tendência que, são tão longos e fortes, que merecem uma fezinha! Retrações fortes contra a tendência oferecem boas oportunidades dentro de um mercado em recessão, como o atual. Quando não temos tendência podemos usar as retrações. Os lucros serão menores e os riscos podem ser maiores. Mas o objetivo do método automático é dar as retrações o mesmo valor que se dá a tendência, exceto o prazo que deve ser mais curto. Infelizmente, essa jogada consome tempo, exige paciência e oferece lucros pequenos. Além disso, a formação deve oferecer espaço para um alinhamento automático entre um movimento menor com a retração da tendência.

Aproveito para exemplificar o argumento com um gráfico diário, e um de trinta minutos, das ações da General Motors aqui nos Estados Unidos. O gráfico diário serve para mostrar a tendência e o de trinta minutos pra exemplificar como lucrar numa retração. Infelizmente, não encontrei nenhum programa onde pudesse copiar legalmente algum gráfico de uma empresa brasileira.

Alinhamento Automatico : Gráfico Diário

Alinhamento Automatico : Gráfico 30 minutos

Note que desde o ano passado que a General Motors vem tendo grandes prejuízos. Com isso, o preço das ações despencaram. Entretanto, durante o período, houve retrações variáveis nessa tendência de baixa. Dava para se operar em algumas contra a tendência e colher algum lucro. É isto que mostram os dois gráficos. Marquei, com linhas amarelas no gráfico-1 (diário), três pontos passíveis de operações lucrativas. Aproveitei a maior retração, a do meio, para exemplificar a lição. Transformei essa retração num gráfico de trinta minutos (o segundo gráfico, abaixo). Note que depois de expandido pra trinta minutos, o gráfico se parece com uma tendência de alta. Se o operador respeitar os limites da tendência maior pode operar dentro dessa míni tendência usando o alinhamento automático com sucesso. Vamos lá!

O segredo do alinhamento automático é trabalhar com um movimento menor dentro de uma maior. Por exemplo, 5 ou dez minutos podem ser usados dentro de um de 60 minutos, respeitando a direção do maior. O operador pode escolher outra medida que o método funciona da mesma forma. Nesse caso, temos o gráfico-2 (30 minutos) funcionando como tendência ou movimento maior. Agora o leitor pode desdobra-lo num gráfico de cinco minutos. Uma vez determinado que a tendencia em 30 minutos é de alta, opera-se comprando nos fundos do cinco minutos. Como não é possível desdobrar esse gráfico aí, aconselho o leitor aplicar a lição utilizando um gráfico de outra ação. Havendo dúvidas, deixe sua pergunta no espaço dos comentários que teremos o maior prazer para esclarecer.

Professor Metafix

Veja a sequência de artigos desta série sobre a estratégia Alinhamento Automático

Seu nome:
Seu E-mail:
Nome do seu amigo:
E-mail do seu amigo:
Sua mensagem (opcional):
Nome: Seu Email: (não será Publicado)
Site: (opcional)
Nofiticar por e-mail novos comentários neste tópico.

carlos guedes comentou:

bom dia professor,sou um profundo apreciador de pessoas que consegurm enxergar onde outros nada veem.professor gostei dessa explicação sobre o alinhamento automatico.entendi muito bem.mas tenho uma pergunta sobre opções:é possível realmente ganhar nessa aplicação e não somente defender o patrimonio.quanto e qual sua dica sobre a melhor aplicação?obrigado e até mais


prof-metafix comentou:

Prezado Carlos, obrigado pelos comentários. Vou responder tua pergunta em partes. Primeiro, é possível se ganhar muito dinheiro com opções, entretanto trata-se de um tipo de investimento de altíssimo risco. Qualquer aplicação de alto risco deve ser encarada como jogo de azar. Isto significa que deve se jogar apenas uma pequeníssima parcela do capital para evitar perdas maiores. Segundo, a grande maioria perde dinheiro por dois motivos básicos, entre outros: entra na jogada sem entender do jogo, e aposta muito do capital inicial. Terceiro, o melhor investimento seria aquele que rendesse mais, entretanto os que rendem mais são também os de maiores riscos. Lembre-se de que, no mercado de capital, pode se perder muito com muito dinheiro, e com pouco dinheiro ganha-se muito pouco. A forma mais segura é aprender o jogo e apostar pouco pra não perder muito.
Quando tiver mais dúvida, escreva. Obrigado, Metafix


Danilo comentou:

Muito bem colocado pelo Professor. Derivativos possuem altíssimo risco e deve ser feito com cautela e com pequenas partes do capital, pois quem tiver querendo ganhar muito com muito, saiba que pode perder tudo.
Lembrando que opções tem um comportamento bem diferente de uma ação e em algumas situações pode-se ver o preço do ativo subindo e o valor da opção caindo, isso em função da característica das opções que não tem na sua formação de preço apenas o preço da ação objeto, mas tb é influenciada pelo tempo para o vencimento, taxa de juros, volatilidade esperada e preço de exercício (strike).
Gostaria tb de recomendar a leitura dos dois últimos artigos do professor "Algumas regras para escolher uma boa ação" e "Regras simples para decidir o valor de uma ação" que tratam exatamente sobre formas de investir reduzindo as possibilidades de perdas, centrando-se numa metodologia e mantendo a disciplina.
att,.


dederj comentou:

Boa tarde professor!
Achei muito interessante seu artigo sobre o "alinhamento automático", dentre outros, já que estou pretendendo iniciar na bovespa, maa ainda estou fazendo curso e me preparando para isso. Seria possível me informar onde posso aprender mais sobre isso? Muito obrigado!


prof-metafix comentou:

dederj, obrigado pelos comentários. Há algum tempo venho desenvolvendo e testando essa metodologia porque a desconheço na literatura. Não vejo alternativa que nos livre dos riscos e sistematize nossas operações. Estou começando a preparar uma pequena cartilha para orientar os leitores sobre sistema. Logo que ela estiver pronto divulgaremos pelo investmax. Abraços e muito obrigado, Metafix


S.C.de Araujo comentou:

Como Sugestão
Professor: Já estou utilizando o seu método.
Pude notar que para os operadores familiarizados com gráficos
Quando utilizar o “Diário” e seguida utilizar o “60 minutos” e seguida utilizar o 15 minutos. Esta seqüência poderá ser entendida com certa tranqüilidade.
Porem para aqueles que ainda não esta muito a vontade com os gráficos.
Poderá dar uma maior atenção nas “Medias Móveis” verificando o valor obtido
Na coluna a direita do gráfico, fazendo com que o valores da media terá que ser o mesmo ou o mais próximo, em todos os gráficos, utilizados.
Isto facilitará a certeza do alinhamento automático.
Desta maneira evitara erros ou possíveis enganos nas operações.

Confesso que estou muito entusiasmado com o método.

Grande Abraço

S.C.de Araujo


claudio comentou:

Olá professor.
Li o seu artigo e tenho uma dúvida: o alinhamento automático não é o equivalente a se colocar 2 médias móveis (uma com tempo maior e outra menor )?
Obrigado.


Amarildo comentou:

Qual o indicador usado sob o gráfico ? Qual a sua calibragem ?


Danilo comentou:

Amarildo, Stoch é estocástico em inglês, a calibragem está na imagem a esquerda do indicador.
att.,


JOSE MANOEL comentou:

e como vce utiliza o oscilador para casar a análise ?
como vc chega à conclusão do momento de entrada ?


Sergio comentou:

Ola Prof., gostei muito dos seus artigos, porém o Sr. parece sugerir duas ações antagonica: regressao e alinhaento automatico...Se a ação fez uma queda é sugerido que se compre pq ela tende a voltar a sua MM maior (regressao) porém não é aconselhavel comprar porque estarimos indo contra uma tendencia maior (a.automatico). Eu entendi errado?
Abraço


Douglas França comentou:

Professor,

o uso do grafico de 1 minuto, com as médias móveis, bandas de bollinger e IFR, é recomendado?

muito obrigado


alexandre comentou:

Ola, parabéns pelo artigo, existem milhares de maneiras de operar, a maneira que eu opero é usando ondas de elliot e retrações de fibonacci, sugiro fortemente o estudos dessas ferramentas todas essas ondas que parecem aleatorias podem ser interpretadas desde que sigam os sinais e regras desses estudos, sendo ao lado de suporte e resistencias ( que o fibonacci ajuda a antecipa-los), topos e fundos ascendentes descendentes, preços respeitando linhas de alta baixa (canais lta, ltb), acompanhado de aumento/ diminuiçao de volume, um dos pricnipais indicadores que indicará a mudança ou aumento da força de movimento dos preços, olhando no grafico postado , o topo onde foi traçado a linha amarela, no estudo da ondas de elliot, seria a onda 1, que foi bem curta indo proximo ao preço de 35 reais e retornando com a onda 2 para prox ao valor de 37 reais, (nao da pra ver exatamente visto que a imagem esta pequena), seguindo pela onda 3 a grande onda de baixa( geralmente a onda 3 é a mais forte das ondas, onde pode-se ganhar tanto comprado quanto vendido como foi o caso do grafico) , a onda 4 foi aproximadamente até 28,50 ( e retração aprox de 23,8% , sem traçar o fibo, olhando a olho nú) , onde o autor cita que pode-se entrar na onda de repique da tendencia principal de baixa, seguido de outra onda forte de baixa onda n° 5 até cerca de 16 reais , em seguida retorna novamente em repique de correção fazendo as onda a,b,c , para respirar e continuar o movimento de baixa, iniciando um novo ciclo de ondas 1,2,3,4,5 a,b,c, olhando candles de reversao para ajudar onde será o topo e onde será o fundo... , quem trabalha com opçoes, abrir grafico do ativo mae ( se valei40, abrir vale5 e grafico do S&P500 index , é bastante coisa pra usar, mas para opçoes tem que que estar muito aguçado pois ganha-se muito , mas perde-se muito também, entao quando perder tente perder pouco, e quando estiver ganhando tente acompanhar o aumento do lucro, mas nao deixe de por no bolso seu lucro e ver o mercado se virar contra e voce sair com prejuizo minutos ou horas depois de estar com lucro, por ultimo falando em daytrade com opções, recomendavel corretora com custo de operação baixo pra na hora que precisar sair da operação voce nao fique esperando por causa da corretagem... além de olhar qual a tendencia principal das bolsa americanas e mundiais, tentar operar comprado em dia de DJI esta 3% negativo, nao é impossivel, mas é muito mais dificil, operar a favor da tendencia aumenta muito as chances de lucro, desculpe se pareci confuso, mas além de estudar todos os dias livros de varios autores diferentes , raramente compro livro, quando compro sao de brasileiros, baixo livros em pdf em ingles, tem muito material de qualidade e gratis pra baixar, aprendendo e praticando, praticando e aprendendo, esse é o caminho, aprendi esse jargão e vejo que é muito verdadeiro, "no mercado nao tem almoço gratis", portanto, arrisque-ce, mas estude antes, arrisque-se pequeno , quando tiver resultados consistentes e confiança aumento sua aposta e retire 25% do seu lucro e invista em outra coisa pra nao perder o que ja ganhou. Bons trades a todos


Camillo comentou:

Sua dica é poderosa. Bem simples, clara e muito eficaz dentro de um contexto de renda variável.

Disciplina, controle emocional e um bom gerenciamento,fecham um setup incrível

Obrigado Mestre, pessoas como você, mudam o mundo.




 
Publicidade

A frase de Charles Dow, “a tendência é tua amiga”, definiu para sempre como se deve operar num mercado de movimentos aleatórios ou incertos. Infelizmente, muitas vezes, a tendência do mercado contraria nosso desejo de operar a qualquer momento, como se o mercado estivesse sempre favorável a nossa pretensão de comprar ou de vender...

Swing trading, é uma forma mais tranquila para se operar o mercado de ações, de futuros (commodities e índices) ou forex do que o Day Trading. Com Swing Trading contempla-se um tempo maior, diminui-se o risco, aumentam-se os lucros...

Relação das empresas com aumento de volume significativo.

O mercado financeiro é cheio de contradições. Os conflitos são constantes porque encerram nossos desejos instáveis de atuar como compradores e como vendedores. Enquanto nos outros mercados, os compradores aguardam os preços caírem pra comprar mais barato...

Publico este de modo que possa ser útil a quem quiser saber mais sobre o tema. O assunto é complexo, mas vou tentar colocar de forma breve, mas extensiva a todos interessados.